Video da Lua em 4K em ultra-alta definição

 

Um vídeo divulgado pela NASA permite dar um saltinho à Lua, sem sair da Terra, e explorar as suas crateras e vastas planícies, assim como o rasto deixado pelos astronautas que pisaram o solo lunar. As imagens recolhidas pela câmara instalada na sonda espacial Lunar Reconaissance Orbiter (LRO), em órbita desde 2009, foram agora divulgadas em ultra-alta definição 4K. Com maior resolução (3840x2160p), estas imagens têm uma qualidade quatro vezes superior ao Full HD e permitem uma melhor visualização dos detalhes.

A certa altura do vídeo de quase cinco minutos, as imagens mostram a zona de aterragem da missão espacial Apollo 17, de 1972 (no vale lunar de Taurus-Littrow que, como é referido no vídeo, é mais profundo que o Grand Canyon), o último voo tripulado rumo à Lua. A imagem é aproximada a escassos metros do local de aterragem, tornando-se visível o módulo de aterragem Lander da Apollo 17 e o carrinho lunar Rover — que foram deixados na Lua — e ainda as marcas deixadas pelos humanos em solo lunar.

Ao longo do vídeo, são apresentados alguns dados interessantes, como às temperaturas extremas registadas no nosso satélite: nas zonas do Pólo Sul lunar em que o Sol mal toca, podem chegar a -245ºC, uma das temperaturas mais baixas registadas no sistema solar.

Por volta dos dois minutos do vídeo, a imagem é aproximada a uma escala de 200 metros na cratera Tycho, que tem cerca de 100 milhões de anos. No centro da cratera, é visível uma grande rocha, cuja origem é ainda incerta. Ainda que pareça pequena, a rocha tem o tamanho de um campo de basebol (291 metros quadrados).

Via

Summary
Video da Lua em 4K em ultra-alta definição
Article Name
Video da Lua em 4K em ultra-alta definição
Description
Video da Lua em 4K em ultra-alta definição
Author
Publisher Name
Original Exclusivo
Publisher Logo

Responda esse comentario