Original&ExclusivoDiferença entre as coisas e tutoriais

O que você ver agora, você viu a 15 segundos atrás

O que você ver agora, na verdade, você viu a 15 segundos atrás. Os cientistas descobriram que existe um pequeno atrasado, algo em torno de 15 segundos na nossa visão. Ou seja o que você está, vendo nesse momento, na verdade não é algo novo, mas sim uma média do que você já viu nos últimos 15 segundos.

 

Isso também significa que o que você vê ao seu redor pode ser uma composição média de tempo de agora e do passado. Por quê? Porque, de acordo com os pesquisadores, nossos cérebros suavizam nossas percepções visuais automaticamente ao longo do tempo.

 

 

Isso cria um ambiente mais saudável, estável, apesar de sacrificar alguma precisão. É uma espécie de proteção para nossos olhos que são bombardeados por informação visual – milhões de cores, formas e em constante mudança de movimento.

Atraso olho:

Os pesquisadores colocaram uma imagem de uma grade em preto – branco inclinado em um ângulo aleatório por meio segundo, e depois para as pessoas que participavam da pesquisa identificar a orientação da grade que acabaram de ver. Em seguida, alguns segundos depois, outra grade apareceu, e eles deveriam identificar o ângulo.

---------------

 

Por exemplo, se a primeira foi inclinada para a esquerda e a segunda foi vertical, as pessoas só conseguiam ver a inclinado para a esquerda. O estudo foi publicado no dia 30 março na revista Nature Neuroscience.

 

As mudanças que os campos de continuidade nos levam a perder são na maioria das vezes sem importância “, dizem os cientistas. Ou seja essa descoberta é apenas uma descoberta, não muda em nada nossas vidas e nem nossas visões sobre as coisas. Mas sem esse filtro natural nosso mundo seria agitado e avassaladora, completam os cientistas.

 

“Nós temos esta entrada para a nossa retina que é continuamente em movimento, mas ainda assim o mundo parece estável”, diz a Cientista Visual Michele Rucci , da Universidade de Boston. Ela observou que, mesmo quando fixamos o olhar em algo, nossos olhos estão realmente mudando microscopicamente várias vezes por segundo.

 

via

 

Deixe uma resposta

Escrito Por Cilene Bonfim
Original&Exclusivo