Mapa do submundo da Terra

Mapa do submundo da Terra.  Um grupo de cientistas desenvolveu o Atlas do Submundo, dedicado à estrutura do manto da Terra e à evolução de suas placas tectônicas nos últimos 300 milhões de anos.

 

O enorme trabalho é resultado de 17 anos de esforços dos pesquisadores e divulgado nesse site. Os criadores do atlas salientam que este é o primeiro mapa completo das placas subduzidas no manto da Terra e sua interpretação geológica.

O que são Placas subduzidas?

 

Quando uma placa tectônica afunda sob outra, um processo conhecido como subducção, acontece no manto terrestre deixando-a mais frio por um período de cerca de 250 milhões de anos.

 

 

Devido à sua “frieza”, a velocidade das ondas sísmicas nestas placas é um pouco maior do que no manto circundante. Graças à tomografia sísmica, a velocidade sísmica na crosta e no manto da Terra pode ser estruturada em uma imagem 3D, desde a superfície até a barreira entre o manto e o núcleo externo líquido da Terra até uma profundidade de 2.900 quilômetros.

 

 

 

A subducção pode deixar uma marca em nosso planeta sob a forma de cumes – por exemplo, formaram os Andes e Himalaias – ou arcos vulcânicos, como o Anel de Fogo do Pacífico.

 

 

Os criadores do Atlas do Submundo, cujo estudo foi publicado na revista Tectonophysics, coletaram as imagens das placas subduzidas no manto superior e inferior da Terra, além de fornecer dados sobre o período e o local de sua subducção.

 

 

“Agora podemos rastrear não apenas como as placas se movem na superfície, mas também como elas se afundam na barreira entre o núcleo [exterior] e o manto”, disse o geólogo Douwe van Hinsbergen, um dos autores do estudo, ao Gizmodo.

Responda esse comentario

/* */