Empresa não é obrigada liberar funcionário para fazer concursos

Funcionário tem direito a ser liberado para fazer concurso público? Passar num concurso público é o sonho da maioria dos brasileiros. Os concursos públicos geralmente acontecem no fim de semana. Mas se o candidato está de plantão ou trabalha no fim de semana. O que fazer?

 

 

 

Se você é um bom funcionário; se a empresa gosta do seu trabalho; acha que você tem futuro na empresa, eles podem não querer liberá-lo para fazer um concurso para arrumar outro emprego. Certo? Se você está de plantão? Como a empresa vai selecionar outra pessoa para colocá-lo no seu lugar?

 

Use o bom senso. A empresa não é obrigada a libera-lo para fazer concurso, pelo menos por enquanto, por que existe uma lei em votação, ou seja, que ainda não está valendo que prever a liberação de trabalhadores para fazer concursos.

 

Mas por enquanto você precisa usar o bom senso. Informe sua empresa com antecedência sobre as provas concurso. Se você estiver de plantão se prontifique a achar um colega que possa trabalhar no seu lugar. Seja honesto com a empresa; explique porque vai fazer o concurso e quais suas expectativas.

 

 

Se ainda assim, a empresa diz não pode libera-lo, então você tem que decidir o que fazer sozinho. Correr riscos e ir ou não fazer as provas do seu concurso. Mas informe a empresa sua decisão e assuma as consequências. Por exemplo: se você já tem várias advertências por faltar ao trabalho, chegar atrasado, pode ser demitido por Justa Causa. Mas a empresa é obrigado a liberar o trabalhador para fazer o Enem ou vestibular de um modo gera.

 

 

 

Se tiver alguma dúvida? Pergunte. Compartilhe esse artigo com seus amigos!

2 Comentários

  1. Gabriel Torma 18/01/2016
  2. IZABEL CRISTINA SILVA MACHADO 07/09/2016

Adicione Comentário