Original&ExclusivoDiferença entre as coisas e tutoriais

Diferença entre Estado Islâmico (EI) e Al Qaeda

Diferença entre Estado Islâmico (EI) e Al Qaeda. (EI) ISIS representa o Estado Islâmico do Iraque e da Síria ou Estado Islâmico do Iraque e al-Sham. Estado Islâmico é conhecido principalmente por uma série de vídeos que mostram decapitações de soldados, civis, cristãos, jornalistas e trabalhadores humanitários.

O Estado Islâmico começou como al-Qaeda no Iraque. Al-Qaeda é a organização militante islâmica mundial criada por Osama bin Laden. A Al-Qaeda já realizou dezenas de ataques, incluindo os ataques de 11 de setembro.

 

[EI – Estado Islâmico]

O Grupo que se autodenomina como Estado Islâmico controla territórios na Síria e no Iraque, e tem territórios adicionais no leste da Líbia, na Península do Sinai do Egito, e em outras áreas do Oriente Médio, Norte da África, Sul da Ásia e no Sudeste Asiático. A ONU acusou EI de abusos de direitos humanos e crimes de guerra. No mundo ocidental, o EI é conhecido principalmente por uma série de vídeos que mostram decapitações de soldados, civis, jornalistas e trabalhadores humanitários.

 

 

O objetivo do EI, ISIS é estabelecer um califado islâmico, o que significa um estado islâmico sob o domínio de um califa, ou seja, o possível sucessor político e religioso do profeta Muhammad (Maomé). Como eles tem objetivos próprios, e desobedeceram as ordens da Al-Qaeda houve uma ruptura entre os dois grupos terroristas.

---------------

 

[Al Qaeda]

 

Al-Qaeda é a organização militante islâmica criada por Osama bin Laden, Abdullah Azzam, e vários outros militantes que lutaram na guerra soviética no Afeganistão. Foi nessa época que seus líderes passaram a acreditar que eles devem proteger o Islã dos infiéis. Al-Qaeda também visa a criação de um califado mundial. Al-Qaeda também se opõe ao que considera as leis feitas pelo homem. Por isso esse ódio pelo ocidente.

 

Al-Qaeda, cujo nome significa “A Base”, funciona como uma rede que compreende wahhabi e jihadista. O Conselho de Segurança das Nações Unidas, a Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), a União Europeia, os Estados Unidos, Rússia, Índia e vários outros países consideram a Al-Qaeda como uma organização terrorista.

 

Al-Qaeda tem realizado muitos ataques contra alvos que considera kafir, “incrédulo”, “descrente”, ou “infiel”. Al-Qaeda já fez mais de 2 mil ataques ao ocidente. Al-Qaeda também considera os liberais muçulmanos, xiitas, sufis e outras seitas como hereges e atacaram suas mesquitas, escolas e etc.

 

Hoje, EI e al-Qaeda competem entre si pela influência sobre os grupos extremistas islâmicos de todo o mundo. Alguns especialistas acreditam EI pode ultrapassar al-Qaeda nos próximos dias.

Escrito Por Cilene Bonfim
Original&Exclusivo