Original&ExclusivoDiferença entre as coisas e tutoriais

Coca-Cola vai usar CO2 capturado nos seus produtos

A Coca-Cola usará dióxido de carbono capturado da atmosfera em seus refrigerantes. A captura de carbono tem sido um tema bastante discutido nos últimos dois anos.

Várias empresas têm tentado fazer uso do gás atmosférico indesejado em vários setores. Os produtos variam de colchões a joias e até fibras de carbono.

No entanto, de longe o melhor lugar, onde podemos colocar esse CO2 extra, são os refrigerantes que as pessoas consomem regularmente. Este é especialmente o caso, uma vez que, aparentemente, a indústria não tem mais fontes de CO2 .

Acontece que os fabricantes de bebidas efervescentes usam CO2, que é gerado como um subproduto de outras indústrias. No entanto, com as novas regulamentações e os esforços contínuos, parece que as indústrias encontraram métodos alternativos mais ecológicos.

---------------

A Coca-Cola anunciou um acordo com a startup suíça Climeworks, uma pequena empresa de captura o CO2 da atmosfera usando a comprovada tecnologia Direct Air Capture.

Climeworks coloca enormes ventiladores e um sistema de filtragem em instalações industriais. O sistema de filtragem possui habilidades seletivas para capturar somente o CO2. O gás é então vendido para diferentes indústrias para fins que vão desde combustíveis, produtos agrícolas, e agora bebidas com gás.

Custa caro:

A capturar de uma tonelada de CO2 dessa maneira tem um preço de US $ 600. Mas a Climeworks, no entanto, acreditam que podem reduzir o custo assim que abrirem mais fábricas.

Vale a pena mencionar que, quando se trata de bebidas gasosas, o CO2 das garrafas volta para a atmosfera. É parcialmente liberado assim que abrimos a tampa, e o restante é liberado após o consumo (eu acho).

Deixe uma resposta

Escrito Por Cilene Bonfim
Original&Exclusivo