Original&ExclusivoDiferença entre as coisas e tutoriais

Cientistas afirmam ter encontrado vida em petróleo morto

 

Um grupo de cientistas encontrou bactérias numa substância de petróleo até então considerado “morto”. Isso aumenta a possibilidade de encontrar vida em outros planetas.

 

 

Uma equipe de cientistas descobriu micróbios ativos em gotículas de óleo depois de analisar uma amostra retirada do Lago Breu, consideradas uma das maiores reservas mundiais de asfalto líquido puro; o Lago Breu fica na ilha caribenha de Trinidad.

 

 

A novidade está na descoberta de que os microrganismos são capazes de degradar o asfalto de petróleo, sugerindo que esse fenômeno poderia ser replicado para limpar os derramamentos de líquidos nocivos. Até agora “óleo era considerado morto”, disse o principal autor do estudo, Rainer Meckenstock, microbiologista ambiental da Alemanha, a revista Science.

 

 

O professor na Escola de Meio Ambiente da Universidade de Washington, Dirk Schulze-Makuch, disse que ele se envolveu na investigação “do ponto de vista da astrobiologia, para ver se existiam semelhanças com a lua de Saturno, Titã, onde é sabido existem lagos de hidrocarbonetos na superfície”.

 

 

A pesquisa foi realizada no lago Pitch, uma área de 405 mil metros quadrados cheia de vida microbiana. Isto aumenta a possibilidade de que existe vida na lua de Saturno, Titã. Agora, os cientistas estão tentando encontrar novos detalhes que expliquem a existência de vida em um ambiente tão hostil.

Deixe uma resposta

Escrito Por Cilene Bonfim
Original&Exclusivo