Original&ExclusivoDiferença entre as coisas e tutoriais

Chandler Riggs confirma a morte de Carl

O The Walking Dead provocou o maior choque em sua história de 100 episódios, quando, nesse domingo domingo, final do meio da temporada, o mostrou que Carl foi mordido e está condenado a morte. Ninguém nunca sobreviveu a uma mordida na barriga.

“Sim, Carl vai morrer”, diz Riggs ao Hollywood Reporter em uma entrevista exclusiva. “Não há como ele sobreviver. Sua história definitivamente está chegando ao fim”. O OriginalExclusivo já tinha dito isso aqui.

 

 

Riggs apareceu como Carl ainda criança, aos 11 anos e agora tem 18 anos e fez um ano sabático antes de começar a faculdade – e Andrew Lincoln (Rick) e ele  são os únicos  que estão em The Walking Dead desde o piloto.

Carl foi amplamente visto como o futuro do mundo pós-apocalíptico;  Rick, um ex-xerife, o preparou para assumir o cargo de líder dos sobreviventes. A versão de Carl na série de quadrinhos do criador Robert Kirkman continua a ser uma força a ser contada e o futuro do novo mundo.  Mas para não matar  o líder Rick,  saída é matar Carl.

---------------

 

 

 

Mas antes que os espectadores moram junto com a Carl, vale a pena notar que Riggs ainda tem um episódio a ser exibindo em 25 de fevereiro) quando Rick, Michonne (Danai Gurira) e o resto do núcleo dos Alexandrinos assistirão   jovem  Carl pode morrer heroicamente. Sim a morte dele não deve ser com essa mordida…deve ser heroicamente enfrentando o vilão Negan. *minha opinião*

Aqui você pode conferir a entrevista em inglês de Riggs falando abertamente sobre sua morte. A  morte heroica de Carl será usada de pano de fundo para nova temporada de The Walking Dead em outubro de 2018.

Deixe uma resposta

Escrito Por Cilene Bonfim
Original&Exclusivo