Atualidades

Previsões econômicas para 2017 – Bloomberg vs Russos

Previsões econômicas para 2017 – Bloomberg vs Russos. O ano não vai ser fácil. Já mostrei aqui como vai ser o crescimento econômicos dos países da América Latina, entre eles o Brasil.

O-que-ninguém-nunca-lhe-contou-sobre-viver-na-Europa-2 Previsões econômicas para 2017 -  Bloomberg vs Russos

 

 

Não deixe de conferir. Em dezembro passado a agência Bloomberg publicou sua previsão anual dos piores cenários que acontecer com o mundo em 2017 em termos econômicos. Agora o cientista politico, Aleksander Asafov, também faz suas previsões.

A “escolha difícil” de Merkel:

 

De acordo com analistas da Bloomberg, a chanceler alemã Angela Merkel, devido ao isolamento pela próxima administração dos EUA, terá de fazer uma “escolha difícil” para liderar a retórica contra Rússia ou “ouvir os conselhos de Donald Trump e obter um acordo com Moscou e dividir o poder na Europa Oriental “.

 

 

 

Trump já disse que a questão ucraniana é desagradável, é a Alemanha deve pagar a conta e não os Estados Unidos. Se considerarmos a situação política que atravessa Merkel em seu país e as eleições que vão ser realizadas em agosto próximo, é possível que ela tenha que fazer um acordo (com Moscou) em sua tentativa de ganhar as eleições ou patrocine a guerra Ucrânia – Rússia “, diz o jornalista politico, Aleksander Asafov.

 

 

Crise na Europa:

Encorajados pela vitória da Trump, os eleitores europeus devem votar candidatos eurocéticos que prometem controle das fronteiras e até mesmo a saída da União Europeia. A criação da UE que foi um erro, como mostrei aqui, pode acabar.

 

 

De acordo Asafov, esta previsão poderia ser realizado, uma vez que Trump tem a intenção de parar de apoiar financeiramente NATO e já disse União Europeia deve pagar pela criação de um exército próprio.

 

 

Guerra econômica entre os EUA e na China:

Donald Trump acusam a China de manipulação cambial. Em retaliação, Pequim iria desvalorizar o yuan, cancelar encomendas feitas em empresas americanas. Estas medidas irão levar a uma desaceleração econômica na China, disse Bloomberg.

 

Como-o-Facebook-garantiu-a-vitória-de-Donald-Trump Previsões econômicas para 2017 -  Bloomberg vs Russos

Mas para Asafov esta previsão “é absurda”. “O que é óbvio é que Trump vai forçar as empresas americanas voltem a produzir nos Estados Unidos, penalizando empresas que usam a Ásia como uma plataforma para a mão de obra barata. Pode existir uma guerra de importações e exportações, e a China vai defender seu lado.

 

 

Conflito entre Arábia Saudita e Irã:

Tanto o jornalista Russo como Bloomberg acreditam num conflito armado. A tensão entre Irã e Arábia Saudita vai crescer com as perspectivas de uma solução da crise síria. É claro que Riyadh nunca aceitará o fato de que Assad, apoiado por Teerã, permanecera no poder” diz o cientista político.

Deixe Um Comentario